[Documentário] Malala (He Named Me Malala)

10:00 Adriana Reis Andrade 0 Commentários




Olá polvos e polvas deste blog!


Esse fim de semana fui dar um passeio pela Paulista (que está mais plural que nunca e aberta a todos aos finais de semana) e fui conferir com o Rafael o documentário da Malala (título brasileiro). Ganhei o livro no Natal de 2014, li em 2015 e fiz a resenha aqui para o blog :)

Malala ficou mundialmente conhecida após levar um tiro pelo maldito Talibã, por não temer em falar em voz alta e para todos, que todos tem direito a educação, principalmente meninas (eles querem que mulheres sejam tratadas por médicas mulheres mas não querem que elas estudem...?!@&%*!).

Após esse atentado ela começou seu trabalho como ativista pelo direito ao ensino feminino e assim surgiu o The Malala Fund, site para arrecadar verba para que a educação seja possível para todas.

Esquerda para direita: Tor Pekai (a mãe)  Atal (irmão mais novo)  Ziauddin (o super pai) e Khushal (irmão do meio)


O curta dirigido por Davis Guggenheim (o mesmo de Uma Verdade Incoveniente) e começa contando de onde Ziauddin teve a inspiração de nomear sua filha, a partir da lenda folclórica de Malalai de Maiwand, que inspirou o exército Pashtun contra as tropas inglesas na batalha de Maiwand em 1880, Malalai viu o exército fugindo das tropas inglesas, então subiu no alto da montanha e disse:

"live like a lion for one day than a slave for 100 years"
(Viva como um leão por um dia do que como escravo por 100 anos - tradução livre)
Então o exército Pashtun voltou e atacou com veracidade o exército inglês, mas isso custou a vida de Malalai, que levou um tiro em campo de batalha. Muitos pediam para Ziauddin trocar o nome da filha, pois Malala poderia trazer azar, mas como todos nós sabemos, apesar dos pesares, ela está VIVA!!!

Podemos ver também como foi a recuperação de Malala no hospital inglês e a nova vida que Malala e sua família levam na Inglaterra.

É triste vê-la falando que gostaria de ver a casa dela por mais uma vez e que sua mãe não tem amigas na Inglaterra. Aos poucos ela e a família vão se adaptando, por mais que não seja a mesma coisa, é uma nova vida que eles devem seguir, ou voltar e serem mortos (principalmente Malala que foi ameaçada mesmo depois da tentativa frustrada).

E com Khushal, o mais velho.


Malala não seria Malala se não fosse por sua família e principalmente ela mesma. Ela soube tomar as decisões dela e seu pai lhe deu todo o suporte possível!


Adoro essa imagem deses dois S2


Malala é inspiradora e é uma pena que este belo curta não esteja em todos os cinemas do país (Fui no Caixa Belas Artes para assistir).

Só digo uma coisa:



"Uma criança, um professor, um livro e uma caneta podem mudar o mundo"



SERVIÇO: 
Título: Malala
Título Original: He Named Me Malala
Duração: 1h 27min
Ano: 2015
Direção: Davis Guggenheim
Gênero: Documentário
Nota: 5

0 comentários: