Surpreenda-me

08:30 Érica Guimarães 0 Commentários


Título Original: Sorpréndeme
Autor: Megan Maxwell
Tradutor: Monique D’Orazio
ISBN: 978-85-8105-213-7
Gênero: Literatura Erótica Espanhola
Páginas: 366
Editora: Suma de Letras
Nota: 4,5/5
Estante: Skoob
Onde comprar: Saraiva / Cultura / Submarino / Amazon

Sinopse: Björn é um atraente advogado alemão para quem a vida sempre foi fácil. Um homem apaixonado pelas mulheres e pelo sexo sem compromisso. Adora participar de jogos sexuais e tem sempre a companhia que quiser à disposição: sabe o fascínio que exerce sobre o sexo oposto.

A espanhola Melanie é uma mulher independente, que chama atenção pela beleza e pelo temperamento forte. Como piloto do Exército americano, está acostumada a levar uma vida de riscos constantes, embora sua principal missão seja lutar para criar sozinha a filha, Sami.

Quando o destino os coloca cara a cara, a tensão entre os dois é evidente... Mas a hostilidade que marcou o encontro deles a principio pouco a pouco se transforma num desejo incontrolável.


Comentários:

Bonjour Anges!!

Eis mais um lançamento de maio desse ano que me deixou possuída, grudada no teto de tanta ansiedade. Depois de conhecer Eric e Jud e vivenciar uma tórrida história de amor na Trilogia Peça-me o Que Quiser não teve como não desejar mais alguma coisa desse universo onde alemães e espanholas tem suas aventuras e desventuras amorosas. E é claro, quem já leu a trilogia, com certeza acabou por se render ao charme de certo advogado alemão e torceu muito para ter algo mais focado dele. E é exatamente isso que trago hoje para a nossa “Pilha do Anjo”.


“Surpreenda-me” é um spin-off protagonizado pelo Björn que é o melhor amigo do Eric e da Jud. O mais legal é que quem não leu a trilogia pode ler esse livro sem medo, pois ele não estraga a trilogia e também não depende dela para uma maior compreensão da vida dos personagens.

Björn é um advogado brilhante, um irmão e filho incrível, um amigo para todas as horas e um arraso quando o assunto é mulher. Educado, gentil, totalmente carismático... Mas, isso muda quando ele conhece Melanie. Logo no primeiro encontro os dois soltam faíscas um pro outro de forma que todos aos redor estranham a forma de agir de Björn.

Melanie é uma piloto do exercito americano, mãe solteira de uma linda garotinha e acabou por se tornar amiga de Jud, depois de ajuda-la em uma situação inusitada no meio do shopping. Melanie é tudo o que outras mulheres que apareceram na vida do advogado bonitão não foram, totalmente divertida, com uma língua afiada e longe de se derreter ao seu charme.

E é justamente esse desafio inicial, essas brigas a todo o momento que acabou por criar uma tensão sexual gigantesca. E mesmo jogando com todas as armas de que dispunha no jogo da sedução, Björn se viu encarando uma adversária à altura e teve que suar muito a camisa antes de conseguir qualquer coisa com a jovem.

E conforme o romance entre eles se intensifica, a paixão e o amor aumentam, mas Mel guarda segredos que podem acabar com uma relação que mal começou. Ela ainda não esqueceu seu antigo amor, e ele odeia o exército americano, é possível um casal tão improvável dar certo?

Ah!, eu adorei esse livro, é engraçado, tem a dose certa de drama e romance, e o erotismo não deixa nada a desejar para quem gostou dos livros anteriores — para quem não leu, o livro trabalha muito com swing, e essas orgias acabam chocando quem não curte ou não está acostumado em ver isso em livros eróticos.

“Surpreenda-me” realmente foi uma surpresa, me emocionei, a autora escreveu pouco sobre a guerra, mas esse pouco me emocionou e Mel foi o par perfeito para um cara que nos conquistou já em livros anteriores, o amor entre eles leva o leitor às alturas e nos suga tanto quanto o romance dos protagonistas anteriores.

Então se você gostou da trilogia Peça-me o que Quiser ou ficou curioso com os livros da autora, mas não quer arriscar logo de cara com uma trilogia “Surpreenda-me” é a medida certa. O melhor da autora, num romance de livro único. Que emociona e arranca bons suspiros – enquanto choca um pouco pela ousadia – e vicia, a ponto de desejarmos mais e mais livros com esses alemães e espanhóis protagonizando ótimas historias de amor.


0 comentários: