Noiva Irresistível

07:30 Érica Guimarães 0 Commentários


Título Original: Beautiful Beginning
Autor: Christina Lauren
Tradutor: Felipe CF Vieira
ISBN: 978-85-7930-721-8
Gênero: Literatura Americana, Literatura Erótica
Páginas: 160
Nota: 4,5/5
Estante: Skoob
Onde comprar: Saraiva / Cultura / Submarino / Amazon








Sinopse: Uma noiva irresistível, um noivo apaixonante e um tórrido romance de escritório que se transformou em amor verdadeiro.

Chloe Mills e Bennett Ryan mal podem esperar pelos sinos matrimoniais. Chloe, exasperada e estressada por todos os arranjos de última hora, está prestes a dizer “sim” para uma fuga até Las Vegas. Por sua vez, Bennett teve a brilhante ideia de evitar sexo antes do casamento, regra que apenas piorou o mau humor dos dois. Quando seus familiares malucos chegam para o grande dia, os fogosos amantes irão descobrir se um casal que discute tanto pode continuar junto tempo o bastante para trocarem alianças – e não apenas provocações.
Chloe e Bennett, o casal favorito das fãs, passaram por muitas coisas juntos desde aquela noite ardente na sala de conferencia em Cretino Irresistível – agora, junte-se a eles para o casamento do século.
  

Comentários:

Bonjour Anges!!

Hoje, na nossa “Pilha do Anjo” temos o encerramento da deliciosa série Beautiful Bastard, que todos já sabem que é fruto da parceria entre as autoras e amigas Christina Hobbs e Lauren Billings. Sim, mais uma série que vai deixar muitas saudades para as fãs, eis o livro 3.5: “Noiva Irresistível”.


Sabe aqueles encerramentos épicos? Aquele que tudo o que você espera acontecer, acontece, e mesmo assim você se surpreende? Essas duas autoras fecharam essa série de 6 livros com chave de ouro.

Esse livro, assim como o primeiro da série, do qual é o mais ligado, é narrado em primeira pessoa, tendo capítulos narrados em alternância pela Chloe e pelo Bennet. Além da diagramação do livro ajudar a identificar o narrador, os trejeitos são inconfundíveis. Realmente parece que estamos sentados em frente ao casal enquanto eles narram suas desventuras.

Esse, de longe, foi o mais divertido de toda a série. Os três livros principais, mostrando os diferentes casais se apaixonando tem o charme de mostrar os homens e mulheres ousados e independentes sendo laçados. Os livros intermediários tem toda aquela interação entre amigos e reforça as histórias de amor de um jeito mais suave, mas esse casamento, tão esperado, acabou por ser o ápice do humor das autoras, que levaram esse livro erótico a um patamar bem próximo do Chick-Lit.

Esse casamento desde o inicio teve como padrinho maior Murphy. Sério, só Murphy para induzir ao Bennett – logo ao cretino mais safado de toda a série – a querer manter abstinência de sexo até a noite do casamento. Só esse fato, de a ideia ser do Bennett, já arranca risadas por si só, mas as tentativas da Chloe para acabar com essa palhaçada e a resistência do Bennett em persistir em “proteger sua virgindade” provocaram cenas hilárias, daquelas que faz o leitor passar vergonha na rua porque não consegue segurar a gargalhada.

Ao reunir toda a família e amigos, com aproximadamente 350 convidados, outras cenas hilárias despontaram. Afinal, qual casamento não tem aqueles convidados que fazem a noite inesquecível? Aquela tia tarada, um tio que conta histórias absurdas, aquele primo bêbado que dança sozinho na pista e ainda se acha um garanhão, uma criança que olha e fala o que não deveria... Pois, Chloe e Bennett tiveram tudo isso desde os preparativos até o “enfim sós”.

E não esquecendo que Murphy é o maior padrinho desse casal, tudo o que poderia dar de errado com os preparativos da festa aconteceu. Surreal é uma palavra que define bem ao absurdo de tudo o que o casal cretino passou até poder dizer sim em frente ao altar.

E, é claro, para os fãs da série, a participação de Max, Sara, Will, Hannah e Henry está mais que garantida. Além de todo o apoio moral – e braçal – para que a festa fosse um sucesso, esse grupo de lunáticos sempre aprontavam das suas. Então para quem estava com saudades das apostas do Henry, dos ataques nerds do Will, ou as vinganças (que começaram em certa viagem para Las Vegas – no livro “Paixão Irresistível”), vai poder não apenas matar a saudade do que já aconteceu como rir das novas armações.

Um fato inegável sobre a narrativa das duas autoras é que cada um de seus livros não precisaria de nenhuma cena de sexo para ser sucesso. É claro que as partes mais hots são a alegria das leitoras, mas os diálogos são simplesmente sensacionais. As melhores preliminares a base de briga que já vi nos romances de escritório. Há seus palavrões, mas por incrível que pareça não ter um ar vulgar.

O que mais curti em “Noiva Irresistível”, foi o clima de flashback, além de refrescar a memoria do leitor sobre tudo o que aconteceu para que Chloe e Bennett acabassem juntos ainda reforçou o lado romântico da história, que por muitas vezes ficou oculto entre as provocações e as atrapalhadas.

Deu pra sentir um friozinho no estomago quando o nervosismo antes do casamento bateu. As incertezas e certezas sobre a vida que levariam daquele momento em diante. O desespero ao ver tudo dar errado e mesmo assim o alivio ao ver que tudo saiu perfeito do jeito deles...

“Noiva Irresistivel” é um livro delicioso. Daqueles que cativam por sua simplicidade e falta de dramas, por um romance selvagem. Que tem um clima de camaradagem entre os personagens que chega a dar inveja. A série Beautiful Bastard é inesquecível, leve, divertida. Então, se ainda não conhece nenhum dos livros, talvez por preconceito por ser um mero romance de escritório, se permita se divertir e rir de desgraças alheias vendo a vida amorosa de Chloe e Bennett, os maiores cretinos do planeta! Acredite, é diversão mais do que garantida!


0 comentários: