[Resenha] Saga da Terra Conquistada - Cidade da Meia-Noite

08:00 Milena Cherubim 0 Commentários

Título Original: Midnight City
Autor: j. Barton Mitchell
Tradutor: Flávia Côrtes
ISBN: 978-85-64850-60-6
Gênero: Ficção norteamericana
Páginas: 448
Editora: Jangada
Nota: 5/5
Estante: Skoob
Onde comprar: Saraiva / Cultura / Submarino





Comentários:

Eu te odeio J. Barton Mitchell. Como assim você me deixa na expectativa? O livro tem quase 500 páginas e eu querendo mais. Sim esse livro você devora e nem percebe que está acabando e quando isso acontece você se frustra, pois poderia ter mais umas páginas para saber o que vai acontecer.

Quando peguei de parceria com a Editora Jangada eu realmente não sabia o que esperar. Por quê? Simples. Eu peguei somente pela capa. Me chamou atenção e pedi. Não sabia que era sobre extraterrestre. Não sabia que era uma distopia. Quando falei para a Daniele que eu tinha pego o livro veio o comentário “Ah... esse não faço questão de ler não, é sobre E.T.’s”.  Oi? Jura? Pois é... peguei pela capa e fui arrebatada pela história.
J. Barton Mitchell é criador de ficção especulativa e já vendeu roteiros para a Warner e a Fox. Então imagina o que vem por aqui nesse livro. Me senti totalmente em um filme! Sério, parecia que eu estava lá com o Holt e o Max. Subindo, descendo, fugindo, atirando, sendo levitado, quase sendo mordido, ou melhor, sendo devorado. E quando eles chegaram na Cidade da Meia-Noite? Me vi na caverna, correndo pelos túneis. Driblando canhão de laser, facadas, vendavais, Confederados...
Estranho? Nem um pouco. O mundo como conhecemos não existe mais. Os adultos são tomados pela Estática e viram zumbis. Todos vão para o Parlamento e de lá nunca retornam. Eles não se lembram de quem são, com quem estão, se são pais, mães, irmãos. Só existe uma voz dizendo “se entregue, venha para nós, vocês perderam” isso acontece na maioridade. Somente alguns poucos são Imunes a Estática.
Os Confederados são os alienígenas que invadiram a Terra e a transformaram em um caos. Os Sobreviventes estão mais para caçadores e matam quem lhes dizem não.
Holt é nosso personagem principal. A história já começa com ele fugindo de um grupo que quer matá-lo. Nisso já no encalço de uma Bucaneira, pessoa provida de magia (no caso de artefatos mágicos), a Mira, sua vida solitária com Max (seu cachorro) nunca mais seria a mesma.
Mira é muito esperta. Sua cabeça estava a prêmio na Cidade da Meia-Noite e esse dinheiro seria muito bem vindo, pois pagaria sua liberdade. Só que nem tudo é simples. Uma noite quando estava no acampamento com Mira presa em uma árvore, eles ouviram uma nave dos Confederados atacar um dos seus. Holt jamais vira uma briga dos aliens. Uma das naves caíra e a curiosidade falou mais alto. Holt foi ver o que tinha naquela nave avariada.
Para seu espanto existia uma garotinha que aparentava maios ou menos uns 8 anos, ela se chamava Zoey. Ela era humana? Sim, aparentava. Ela era especial? Ah... com certeza. Depois que Holt achou Zoey sua vida virou do avesso. Um cara que era sozinho, de repente tem duas mulheres com ele. E isso não estava certo. Ele deixaria a menina no primeiro posto de trocas e Mira... bem esse era outra história. Eu já falei que nada era fácil para ele? Então... tudo sai do controle. Mira não gosta nada de estar presa, Zoey não se lembra de nada da sua vida só que ela consegue sentir os Confederados e eles a ela...

O trajeto até a Cidade não será nada fácil, a adrenalina é pura e enquanto não chega ao próximo capitulo você não sossega. Aí para você parar e ir dormir não é fácil. Agora espero ansiosa pela continuação e quero muito, muito saber como ficarão os três improváveis amigos.


0 comentários: